quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Se estralar ou ser ajustado pelo seu quiropraxista, tem diferença?


  • quiropraxiachapeco

    Afinal, estralar as articulações de faz bem ou mal?

    Depende.

    Estralos forçados repetidamente, de forma inespecífica (em casa ou sem a técnica adequada) só faz com que nossas articulações se tornem instáveis, criando a necessidade de estralar com cada vez mais frequencia.

    Os estralos promovidos durante a sessão de Quiropraxia são específicos, visando devolver a mobilidade apenas das regiões subluxadas(com alterações de mobilidade e função), portanto trazem apenas benefícios a região.

    Relato comum de muitos pacientes é que depois do tratamento, a necessidade de estralar diminuiu.

Consulte apenas quiropraxistas graduados!







  • Quiropraxia é graduação. Curso superior com 4 a 5 anos, dependendo da universidade. No Brasil é oferecido em 3 universidades, Universidade FEEVALE, em Novo Hamburgo RS, Anhembi Morumbi SP e Universidade Católica de Brasília DF.

    Consulte um profissional graduado.
    No site da @abqbrasil você encontra os profissionais graduados mais próximos de sua cidade!

Qual a idade da sua coluna?

Tirinha que encontrei pela internet esses dias! Parece engraçado mas os problemas posturais vem acontecendo cada vez mais cedo.
A geração nascida a partir da década de 90 foi a primeira a ter contato com a tecnologia desde os primeiros anos de vida.
Este contato evidenciou muitas alterações posturais que só percebiamos em pacientes mais velhos ou que atuavam em algumas profissões de riscos ergonômicos já conhecidos.



A DICA: utilizar tablet, computador e smartphone moderadamente, praticar atividade física regularmente e visitar seu quiropraxista esporadicamente! (Rima não intencional)

Pra onde caminha nossa postura?

Alterações posturais na região cervical serão cada vez mais frequentes nas próximas gerações devido a vários fatores como o sedentarismo, atividades laborais sem ergonomia adequada, uso prolongado de smartphones.

Além da alteração estética, sintomas como dor local, dores irradiadas para os membros e dores de cabeça também podem acontecer.

Com um tratamento adequado é possível melhorar muito as retificações cervicais. A Quiropraxia combinada com exercícios bem orientados podem ajudar muito nestes quadros.

Exames de Imagem, quando são necessários?

quiropraxiachapeco

A avaliação dos exames de imagem é um excelente complemento ao diagnóstico quiropratico.
Nem todo paciente de Quiropraxia precisa fazer exames de imagem. Existem fatores que nos direcionam a real necessidade de expor o paciente ao exame. Durante a primeira avaliação alguns fatores são observados determinando o que deve ser investigado. Algumas condições de saúde específicas pode exigir exames ao longo do tratamento também.
Pacientes que por algum motivo já realizaram exames de raio-x, tomografia, ressonância ou ultrassonografias podem trazer estas imagens para a avaliação.
Aqui na @quiropraxiachapeco o tratamento de cada paciente é único, seguindo a frequência de sessões mais indicada para seu quadro clínico, buscando a melhora eficaz no menor tempo possível!

Fases do tratamento/Numero de sessões necesárias.



  • Quantas sessões eu preciso pra melhorar? Quantas sessões por mês devo fazer? Por que continuar o tratamento depois de não estar mais apresentando sintomas? (post longo, mas vale a leitura)
    1-A maior parte dos pacientes nos procura no estágio 1. A lesão está presente, em alguns pacientes em quadro intenso, outros em quadros menos intensos mas que já duram ha algum tempo. Neste estágio o tratamento é intensivo. O intervalo entre as consultas será entre 3 a 7 dias, de acordo com a indicação clinica para o paciente. Neste ponto é preciso reestabelecer a boa função articular.

    2-Na fase dois, o paciente terá alguns desconfortos, porém este é um periodo de tratamento importante. Nele a lesão estabilizará, permitindo maior tranquilidade ao paciente para retornar a sua rotina normal. Neste período as sessões variam entre 10 e 20 dias em média. No gráfico há uma marcação onde determina se haverá uma estabilização ou apenas uma estabilidade temporária do quadro. O fator determinante neste momento é a adesão do paciente as recomendações clínicas. Assim que os sintomas desaparecem, alguns pacientes optam por parar o tratamento e deixar de lado algumas recomendações. A tendência é que os sintomas acabem retornando em pouco tempo.
    3-Nesta fase o paciente passa a ter os benefícios da quiropraxia preventiva, onde as articulações bem alinhadas livres de subluxação mantem a saúde plena dos pacientes. A maioria dos pacientes que entram nesta fase percebem algumas melhoras que vão além da função articular e alívio das dores, melhorando a qualidade de vida de forma integral, como por exemplo: melhora na qualidade do sono, resistência, redução de tensões não relacionadas a queixa principal, entre outros.
O estudo abaixo traz dados interessantes sobre o prognóstico dos pacientes que recebem apenas tratamento médico no manejo da dor lombar, comparados a pacientes que recebem tratamento quiropratico associado ao tratamento médico.
O grupo estudado incluía 806 pacientes com aproximadamente 30 anos de idade, sexo masculino e feminino, integrantes das forças militares americanas.
O estudo evidência as vantagens da inclusão da Quiropraxia nas situações de dor lombar, tornando o processo de recuperação mais rápido, reduzindo a intensidade da dor, permitindo o retorno as atividades de rotina em menor período. No estudo também ficou evidenciada a satisfação dos pacientes e uma boa percepção de melhora após o tratamento quiropratico.
Abaixo a referência do artigo original:
 https://jamanetwork.com/journals/jamanetworkopen/fullarticle/2680417?resultClick=3
  • O estudo abaixo traz dados interessantes sobre o prognóstico dos pacientes que recebem apenas tratamento médico no manejo da dor lombar, comparados a pacientes que recebem tratamento quiropratico associado ao tratamento médico.
    O grupo estudado incluía 806 pacientes com aproximadamente 30 anos de idade, sexo masculino e feminino, integrantes das forças militares americanas.
    O estudo evidência as vantagens da inclusão da Quiropraxia nas situações de dor lombar, tornando o processo de recuperação mais rápido, reduzindo a intensidade da dor, permitindo o retorno as atividades de rotina em menor período. No estudo também ficou evidenciada a satisfação dos pacientes e uma boa percepção de melhora após o tratamento quiropratico.
    Abaixo a referência do artigo original:
    https://jamanetwork.com/journals/jamanetworkopen/fullarticle/2680417?resultClick=3